Chorei, esta manhã, quando vi este filme. Chorei discretamente porque é chato chorar no local de trabalho. Os meus colegas não têm culpa nenhuma que eu seja mimada e pirosa [escrevi "uma miúda mimada e pirosa "mas achei por bem tirar o "miúda" porque já não tenho idade para essas coisas e já me basta continuar em negação, todos os dias, quando me visto]. Eu não devia ver estas coisas quando acordo com inveja das pessoas que fazem amor demanhã antes dos filhos acordarem [e não me digam que depois isso passa porque eu não quero saber]. Inveja das pessoas que fazem sexo e adormecem abraçados todos os dias. Inveja de quem comemora um teste de gravidez positivo. Inveja de quem sorri num jantar de amigos, no meio de um bar, no meio de milhares de pessoas, o sorriso de cumplicidade, o sorriso "és meu", "és minha". Inveja de quem combina férias de verão e viagens de calor quando é inverno. Inveja de quem se deita no sofá e refila enquanto recebe festas no cabelo. Inveja de quem passeia de mão dada. Inveja de quem bebe copos de vinho e dá beijos na boca no meio da rua, num canto da casa, dentro do carro num sinal vermelho. Hoje acordei com inveja das histórias-de-amor felizes. E não quero que me digam que há momentos menos bons. E não quero que me digam que um dia deixam de ser felizes. Eu acredito nas histórias-de-amor para sempre.

3 comentários:

Pedro disse...

deixou-me... sinceramente nem consigo expressar como me deixou este texto...

Tulipah disse...

a mim fez-me chorar...fez-me ter a noção de como quase nunca dou importância à história que vivo...como quero sempre mais porque tudo me parece sempre tão pouco...chorei porque me revi em muitas coisas das quais hoje sentes inveja, que são as que mais tenho medo de perder...
raquel

tulipah disse...

o texto a mim fez-me chorar...fez-me ter a noção de como quase nunca dou importância à história que vivo...como quero sempre mais porque tudo me parece sempre tão pouco...chorei porque me revi em muitas coisas das quais hoje sentes inveja, que são as que mais tenho medo de perder...
raquel

html code
Daily Specials